Mensagens dia dos pais

> Mensagens dia dos pais



Encontrados 188 pensamentos de mensagens dia dos pais

Daiana Pais

Viva ardentemente o amor.

Não vivo mais, não quero mais...
Vivo não por mim, quero não para mim.
Quem me dera eu poder escolher
Uma nova maneira de viver.
Uma nova pessoa eu queria ser
Queria tudo poder escolher
Lugares diferentes poder conhecer.
Mais a pessoa que eu queria ter
Não pode comigo agora estar.
Não esta preparado para se entregar
Para este profundo e eloqüente amor.
Seu corpo só a mim não pode pertencer
Mesmo sabendo que só dele eu quero ser
Não consegue compartilhar comigo
Todo desejo em que esta envolvido
Seja por amor, seja por paixão, mais pelo medo prefere a solidão.
Sei que um dia poderá se arrepender
De não se entregar a este amor.
Talvez seja tarde, talvez venha à dor, mais seja como for,
Prefiro morrer por este amor, a viver morrendo a cada dia de arrependimento, por não ter vivido e sobrevivido a este tão grande e poderoso amor.

Daiana Pais

"Nesta direção", disse o Gato, girando a pata direita, "mora um Chapeleiro. E nesta direção", apontando com a pata esquerda, "mora uma Lebre de Março. Visite quem você quiser quiser, são ambos loucos."

"Mais eu não ando com loucos", observou Alice.

"Oh, você não tem como evitar", disse o Gato, "somos todos loucos por aqui. Eu sou louco. Você é louca".

"Como é que você sabe que eu sou louca?", disse Alice.

"Você deve ser", disse o Gato, "Senão não teria vindo para cá."

Trecho do livro Alice no País das Maravilhas

A dor do amor.

Como é difícil às vezes esperar pelo amor.
Ainda mais quando há barreiras a serem superadas.
A pior dor do amor é quando temos o amor bem perto e não podemos desfrutá-lo.
Ou quando a outra parte não age com a mesma intensidade, com a qual gostaríamos que agisse.
O problema deve ser este, em esperar demais pelo amor ou do amor.
Temos que aprender a amar, a doar amor sem cobranças, assim como uma criança que ama e não pede nada em troca.
Tenho vontade de gritar: quero aprender a amar! Será que isso existe?
Espero que com o tempo, este amor resista a estes momentos de dor.
E venha a ser vivido com toda liberdade, sem barreiras, sem interrupção e com intensidade.

Daiana Pais

Daiana Pais

O amor maior

O amor não perde a graça, nós é que perdemos a graça de amar, porque estamos acostumados com as facilidades.
Hoje em dia ninguém quer lutar por um grande amor, apenas queremos um amor pronto, sem dificuldades, sem lutas, sem percas, sem dor e sem escândalos.
Queremos manter as aparências diante das pessoas, mais não queremos manter um grande amor.
Preferimos ser reconhecidos e exaltados a desconhecidos, humilhados mais amados.
Preferimos nos esconder atraz das artes, do que descobrir a doce arte de amar.
Preferimos esperar por um amor melhor, do que desfrutar do melhor que este amor tem pra dar.
Sempre achamos que o melhor esta por vir, sendo que o melhor já veio e esta aqui.
Nós é que por medo, imaginamos um outro amor, uma outra historia, uma nova vida, um novo dia, um novo tempo.
Mais nunca haverá espaço para outro amor.
Porque o amor maior prevalecera para sempre.

Daiana Pais

Daiana Pais

"... A senhora me desculpe, mas no momento não tenho muita certeza. Quer dizer, eu sei quem eu era quando acordei hoje de manhã, mas já mudei uma porção de vezes desde que isso aconteceu. (...) Receio que não possa me explicar, Dona Lagarta, porque é justamente aí que está o problema. Posso explicar uma porção de coisas mas não posso explicar a mim mesma..."

Alice no País das Maravilhas

Em um país cujo único empregador é o Estado, oposição significa morte por fome. O velho princípio daquele que não trabalha não deverá comer, foi substituído por um novo: aquele que não obedece não deverá comer.

Leon Trotsky

Ela: Meus pais estão casados a 30 anos.
Ele: Sério?!
Ela: É... Mas não sei se quero isso!! Eles falam Te Amo como uma obrigação sabe, de forma automática!!
Ele: Como assim?!
Ela: É como se dissessem Sanduiche de Queijo ao invés de Te amo, entendeu?!
Ele: Eu Te Sanduiche de Queijo!
Ela: Eu também te sanduiche de queijo...

Dialogo do Filme-Amor aos pedaços

"Quando meus pais se casaram
da 1 ª vez, eram muito jovens.
Tinham terminado a faculdade.
Lembro que eu ficava
olhando o álbum de fotos...
pensando por que
não estava nas fotos.
Com pessoas que amamos muito,
é difícil imaginar...
que elas tiveram
uma vida toda sem nós.
E confesso
que estar aqui hoje...
finalmente podendo aparecer
no álbum de fotografia...
é algo que eu não trocaria
por nada.
Pois prefiro fazer parte
do que vocês têm agora...
não do passado de vocês.
Agora que tudo está perdoado.
E acho que amor significa isso.
Poder perdoar tudo.
Aos meus pais...
que me ensinaram que
o amor nem tudo conquista.
E que o amor acaba.
E recomeça.
Saúde"

Dawson Leery

A HONESTIDADE RENASCERÁ

Honestidade, raridade deste país de espertezas,
Onde política é escola para ficar rico da noite pro dia,
Onde a miséria é inerente nesse país de riquezas,
Onde se pune a verdade e glorifica a mentira.

O que enobrece a nossa elite é a esperteza,
Incentivando aos nossos jovens que roubar vale a pena.
Honestidade neste país é sinal de pobreza,
De quem não terá nada, de quem se apequena.

País onde a esperteza nem pensa em ser sutil,
Onde a justiça é cega e não vê esses matreiros.
Onde o lixo vira comida nesse rico Brasil,
Pois a miséria e a fome são do povo companheiro.

Por que essa avareza de brigar pelo poder e riqueza?
Por que não dividir as riquezas que a natureza nos dá?
Pois pertence a todos e não a esses imbecis que usam de espertezas.
A honestidade morta não tardará, ainda renascerá...

Luiz Carlos Rodrigues dos Santos

A ITALIA NAO E O PAIS DA PIZZA
(Luiz Islo Nantes Teixeira)

Soldado mata jovem inocente em frente de boate
E fica preso menos de um mes numa cadeia da cidade
E a mae chorara a vida inteira a dor de uma saudade
E esta sua dor cruel durara por uma eternidade

Banqueiros e politicos defraudam os cofres do Brasil
Mas suas liberdades estao nos valores de seus taloes bancarios
E os pobres filhos desta “terra adorada entre outras mil”
Sao os unicos que sao confinados nos sistemas carcerarios

E os grandes promotores que nao serviriam num jardim de infancia
Decidem soltar os corruptos por suas proprias autoridades
Insultando o povo com tanta ignorancia

A Italia nao e o pais da pizza, mas o Brasil sim e o que parece
O povo grita por fim da impunidade e mais justica
Mas a tudo acaba em pizza como sempre acontece

© 2008 Islo Nantes Music/Globrazil(ASCAP)
[email protected] or [email protected]
USA - (1) 914-699-0186 - Luiz
http://www.yesportes.com/
http://www.islonantes.com/

Luiz Islo Nantes Teixeira

A mais linda das musas

Se eu digo que você é linda, não deve me agradecer,
Aos seus pais sim deve gratidão,
Se a vejo como uma linda, só prova o meu bom gosto,
E te digo, é muito bom poder ter o privilégio de te contemplar.

Ah! Se os outros poetas a vissem agora!
Só queria ver a face de espanto deles.
Eles a olhariam, olhar-se-iam, ficariam mudos.
Sim, você é tudo que um poeta quer.

Alguns poetas, invejosos que são, logo diriam:
Claro, com uma musa especial assim,
Qualquer pessoa faria obras primas
Inspirados nos encantos seus.

Mas claro, não existem poetas invejosos.
Sim, eles têm razão,
Toda razão faz-se presente no que foi dito por eles,
É, você é o mais lindo de todos os poemas!

Ah, ainda bem que o poema acabou,
Eu iria me apaixonar

Isaias Amorim
http://1poeta.blogspot.com

Isaias Amorim

Aos jovens do meu país

Muito para além de mim, das minhas capacidades,
tu tens uma sabedoria que eu não tenho,
tens uma visão que eu não alcanço.

Tens as mãos macias e dóceis para mimar
tens um olhar ameno tecido de esperança
tens no coração, apenas espaço para amares.

Eu, já sou adulta,
poluí o ambiente, destruí a paisagem, roubei territórios,
conquistei estátuas e direito a ver o meu nome atribuído a uma praça...
Guardei ódios, rancores, invejas...
Mas sempre o neguei!

Eu, crescida,
extingui animais e plantas...
abracei a ciência e fiz dela o meu maior Amor.
Perdi-me na razão e na inteligência, de tanto a usar
(ou achar que sim)!
Tanto quis ser perfeita que me esqueci de ser Humana.

Criei para ti um mundo sujo, podre,
onde tudo já está gasto pelos excessos que cometi.
Eu quis dar-te tudo e, hoje, tudo quanto me pedes,
é o direito a nada teres,
precisamente porque a única coisa que sabes,
é que é o Amor que dá sentido à vida,
e não a existência tosca que herdaste do mundo que te deixei.

Se não fosses tu,
o mundo das pessoas crescidas não seria tão bonito.

Ana Neto

Aos meus pais
Obrigada por vocês existireme por serem quem são:mais que apenas pais biológicos.
Obrigada pela dedicação,pela amizade,pelo companheirismo.
Obrigada pela vidae pelo orgulho que éter nascido de vocês.
Obrigada pelos ensinamentos,pelos sermões,pelos castigos,pelas palmadase, principalmente pelos exemplos.
Eles são valiosíssimos.
Obrigada pelos agradose principalmente pelos desagrados.
Assim, eu pude ver quena vidanem tudo é como a gente querAprendi a ter limitesa ser mais “gente”.
Obrigada pelas preocupaçõessei que muitas vezesfui (e ainda sou)causa de inapetência e insônia.
Obrigada pela caminhada,pela luta,pela lida.
Aprendi com vocêsA ter coragem,a não desanimar,a saborear a vitória.
Obrigada pelas mãos entrelaçadas na minha,doando-me confiança,na certeza de estar indo por caminhos segurose na certeza de que terei sempre onde ampararcaso eu tropece.
Obrigada por tudo que vocês planejaram e fizeram,por tudo que planejaram e não fizerame pelo o que fizeram sem planejar.
Obrigado pelas renúncias...
Perdão por tudo que fiz,por tudo que não fize pelo que pensei em fazer.
Deus abençoe vocês
E me abençoe também
Dando-me a alegriade tê-los por muito tempo ainda.
Adoro vocês

carla e filhos

APRENDEMOS COM PAIS.
APRENDEMOS COM MESTRES.
APRENDEMOS COM AMIGOS.
APRENDEMOS COM INIMIGOS.
APRENDEMOS COM LIVROS.
APRENDEMOS COM FRASES.
APRENDEMOS COM POESIAS.
MAS A MELHOR DE TODAS AS AULAS É A VIDA QUE NOS ENSINA.

ZACUM--MINO

As amoras

O meu país sabe as amoras bravas
no verão.
Ninguém ignora que não é grande,
nem inteligente, nem elegante o meu país,
mas tem esta voz doce
de quem acorda cedo para cantar nas silvas.
Raramente falei do meu país, talvez
nem goste dele, mas quando um amigo
me traz amoras bravas
os seus muros parecem-me brancos,
reparo que também no meu país o céu é azul.

Sophia de Mello Breyner Andresen

Bi. pelo kii to vendo, vc nao ta pudendo fazer nada pra melhorar isso.
seus pais nao deixam. e assim, sou eu ki tenho ki correr atraz de tudo, porq pelo menos os coroas aki nao ligam pra mim. eu te peço insentivo. eu sei ki vale apena fazer tudo por vc. mas preciso saber de vc se eh de seu interesse tbm.
será ki teu perfil ta me dando forças?
te ver assim ja me deixa abatido. imagine ler akele teu perfil!!!
pensa bem. faz tua parte (ki eh se cuidar) e eu faço a minha, ki eh virar essa história.
mas vamos os dois apoiar o outro.
nunca mais fala ki te trair. essa história passou. mas uma ferida nao some do dia pra noite. pensa em mim tbm, ta?
pensa no meu lado.


te amo muito. e dependendo de vc, eu nao vou desistir nunca.

iury

Caravelas

Cheguei a meio da vida já cansada
De tanto caminhar!Já me perdi!
Dum estranho país que nunca vi
Sou nesse mundo imenso a exilada.

Tanto tenho aprendido e não sei nada
E as torres de marfím que construí
Em trágica loucura as destruí
Por minhas próprias mãos de malfadada!

Se eu sempre fui assim este Mar morto:
Mar sem marés,sem vagas e sem porto
Onde velas de sonhos se rasgaram!

Caravelas doiradas a bailar...
Aí quem me dera as que eu deitei ao Mar!
As que eu lancei à vida,e não voltaram!...

Florbela Espanca

Carta ao meu pai


Ela é singela. É para o meu pai/ ou mais ainda/ para todos os pais
Que doam em generosidade o amor aos filhos.
Há algumas epígrafes sobre o meu pai,
O meu amado João Maciel de Azevedo/ o Senhor “Zeca Sapateiro” /.
Um artesão da arte de moldar os pés humanos/ e a cela dos animais /
No dia a dia, o cotidiano engole as possibilidades de intimidades/.
O filho cresce/ torna senhor de sua história/ não reserva momentos de encontros, homenagens e não diz.
OBRIGADO!
Transcorrem anos a imagem de algo que deixou de ser dito/
Revelado e reconhecido passa...
Bate então à nossa consciência o coletivo espiritual, o falar ao nosso pai.
Ainda hoje sinto a ausência do papai/ de nossas conversas sobre política/ filhos/espiritualidade/ de sua amável companheira( claro, minha mãe - Dna. Nessy)/
Que juntos nos educaram dentro de princípios e valores
Da honradez, da moral e da dignidade.
Papai possuía uma personalidade forte, destemida, ousada, humana e fraterna.
Sua genética? Ótima. Sua origem? Índio/ Negro/ Branco.
Mas de face tranqüila e traços delicados e bonitos.

Pai, obrigado pelo Senhor Ter Existido.
Que Deus, em sua infinita misericórdia, o ampare sempre.
Um dia nos encontraremos.

Abraço grande,

De sua querida e amada filha,
Fátima

Fátima Bindes

Colega: Separa sua briga
Amigo: Já chega na voadora
Colega: xama seus pais de senhor e senhora
Amigo: xama de tio e tia...
Colega: nunk viu você chorar
Amigo: sempre teve os melhores ombros p/ você chorar
Colega: nunk pede nada para beber e comer
Amigo: abre o armário e se sente em casa
Colega: pede pra você escrever o seu número de telefone
Amigo: pergunta pelo telefone dele (pq não se lembra)
Colega: pede alguma coisa emprestada e devolve em uns dias
Amigo: tem 1 guarda-roupa cheio de coisas suas
Colega: sabe algumas coisas sobre você
Amigo: poderia escrever uma biografia sobre você
Colega: não ficaria c/ você se as outras pessoas não tivessem com você
Amigo: sempre ficaria c/ você
Colega: deletaria essa mensagem
Amigo: mandaria para todos seus amigos...

Pelo menos akeles q são REALMENTE importantesss....
enviar recado cancelar

Autor Desconhecido

Como Nossos Pais
Elis Regina
Composição: Belchior

Não quero lhe falar meu grande amor das coisas que aprendi nos discos
Quero lhe contar como eu vivi e tudo o que aconteceu comigo
Viver é melhor que sonhar, eu sei que o amor é uma coisa boa
Mas também sei que qualquer canto é menor do que a vida de qualquer pessoa
Por isso cuidado meu bem, há perigo na esquina
Eles venceram e o sinal está fechado prá nós que somos jovens
Para abraçar seu irmão e beijar sua menina na rua
É que se fez o seu braço, o seu lábio e a sua voz
Você me pergunta pela minha paixão
Digo que estou encantada com uma nova invenção
Eu vou ficar nesta cidade, não vou voltar pro sertão
Pois vejo vir vindo no vento o cheiro da nova estação
Eu sei de tudo na ferida viva do meu coração
Já faz tempo eu vi você na rua, cabelo ao vento, gente jovem reunida
Na parede da memória essa lembrança é o quadro que dói mais
Minha dor é perceber que apesar de termos feito tudo o que fizemos
Ainda somos os mesmos e vivemos como nossos pais
Nossos ídolos ainda são os mesmos e as aparências não enganam não
Você diz que depois deles não apareceu mais ninguém
Você pode até dizer que eu 'tô por fora', ou então que eu 'tô inventando'
Mas é você que ama o passado e que não vê
É você que ama o passado e que não vê
Que o novo sempre vem
Hoje eu sei que quem me deu a idéia de uma nova consciência e juventude
Tá em casa guardado por Deus contando vil metal
Minha dor é perceber que apesar de termos feito tudo, tudo, tudo o que fizemos
Nós ainda somos os mesmos e vivemos
Nós ainda somos os mesmos e vivemos
Ainda somos os mesmos e vivemos
como nossos pais
Belchior

Belchior

ENGENHARIA

Um bem importante para o país
Tanto engenho, tanta tecnologia
E tanta sabedoria
Há-de haver uma saída que nos revele
O nosso futuro cada vez mais tecnológico.
É necessário estudar e aprimorar toda a nossa
Vida para que esta pareça construída e não destruída.
Esta é a saída saber perder e ganhar faz com saibamos
Chegar a tudo o quanto queremos pois apenas nós sabemos
O futuro que queremos

Renato Alexandre dos Santos Freitas

Eu vejo o quanto é difícil um relacionamento.Qualquer que seja o relacionamento,pais,filhos,amigos,não importa,sempre existirá algo marcante nisso.
Talvez eu tenha falado palavras que não tiveram relação comum,ao ponto de fugir do assunto principal.
Lembro-me bem que quero dedicar o que escrevo a um amigo.
Amigo?Não posso dizer de cara que a pessoa cujo me refiro seja um amigo.
Posso tentar descrever ele em poucas linhas:
Alguém que ajuda,que se preocupa com os amigos,que faz as coisas não por querer algo em troca,mas porque ele é assim.
Foi essa a primeira impressão que tive,se errei,perdo-e me prometo que tentarei te conhecer melhor,se acertei,fico muito feliz em te elogiar com essas palavras.
Você será lembrado por um gesto simples,de um momento especial e marcante.
Sou grata e mui agradecida,pois tenho uma recordação não só no coração ou no papel,mas na lembrança de que o passado foi muito valioso,assim como quem busca o ouro.

Sarah Chen

Gente Boa

Quem ver nosso país pela primeira vez, pensa logo que somos excelentes em organização e em respeito, principalmente quando os gringos vão a alguma repartição pública e casas bancárias. Olhando aquelas filas intermináveis, acreditam mesmo que o povo respeita a vez do outro, ou melhor, cede sua vez para as velhinhas e deficientes porque é um gesto nobre de solidariedade... Não meu amigo, aquilo é feito mesmo por obrigação! Porque se fosse por vontade própria de muitos, as velhinhas e os deficientes seriam os últimos da fila sempre. Mas os estrangeiros devem mesmo pensar assim, porque o brasileiro quando sabe que alguém é de outro país, faz pelo caro visitante com amor, o que faz com raiva pelo seu compatriota, e em muitos casos, nem faz...
O brasileiro tem um bom coração, é hospitaleiro e trabalhador, isso ninguém pode negar! Mas se o assunto é ajudar uma pessoa com necessidades ou um gringo, adivinha o que ele faz primeiro? Isso mesmo! O danado do gringo recebe toda atenção e ajuda do mundo... Enquanto que nós, pobres brasileiros “pracinhas,” servimos de chacotas lá fora... E por falar em “pracinhas”, na Segunda Guerra Mundial, um fato histórico da humanidade, qual foi o nosso papel? Heim? Lutar como coadjuvante e ajudar os Yankees a vencerem para depois nos dominarem. Isso é que é ser mui amigo!
Pelo contrário, quando estavam recrutando os brasileiros para uma guerra, perguntaram para um rapaz:
- Você está pronto para morrer pelo seu país?
- Daí o jovem respondeu com outras duas perguntas:
- Vão pagar quanto Senhor? Não tem jeito só de matar não?
É o que falta no brasileiro parece que é encontrar motivos para se orgulhar de sua pátria, e estes têm de sobra... Valorizar sempre os “enlatados”, está fazendo a nossa gente perder a própria identidade, e no final, eles nos empurram os sintéticos, e nós lhes damos os bens naturais. Pode um negócio desses?
Para os brasileiros realmente verem o “Espetáculo do Crescimento” de nosso país, basta não seguir somente aquela parte do nosso Hino, e não ficar “Deitado eternamente em berço esplêndido...” mesmo porque o brasileiro dessa forma, não pode se dar o luxo de ter um!
Digamos de passagem, para a nossa gente progredir está faltando “muito, pouco”... Muito senso de dignidade, amor próprio, alimento, teto, políticos sérios, trabalho, dinheiro, conhecimento... Pouco samba, gingado, jogo, prostituição, drogas, violência...
É engraçado, numa terra tão rica, onde não há vulcões em erupções, nem tsunames, nem tufões que gerariam grandes baixas, têm mesmo, é o caos na aviação, dengue e lutamos contra o apagão, e sabe o que disseram aos brasileiros? Relaxem e gozem! Heheheheheheheh!
Esse senso de humor dos brasileiros vai acabar me matando!

GILSON ALVES

Grisalha? Não, obrigada
Certa vez, por ocasião do Dia dos Pais, escrevi uma crônica chamada A Dignidade do Grisalho, defendendo que os homens deveriam pensar muito antes de pintar o cabelo, já que o grisalho lhes dava muito mais credibilidade, charme e juventude - isso mesmo, juventude. Citei Giorgio Armani como um desses garotos.

Em contraponto, disse que entendia perfeitamente que mulheres pintassem o cabelo, já que em nós o grisalho passa uma idéia de relaxamento e raramente nos cai bem.

Pois descubro que um dos livros mais comentados por aí tem sido Meus Cabelos Estão Ficando Brancos, Mas Eu me Sinto Cada Vez Mais Poderosa, da americana Anne Kreamer, que, depois de extensa pesquisa de campo, defende que as mulheres não perdem nada em manterem suas melenas ao natural.

Anne defende que ficar grisalha é um ato político, de afirmação. Uma outra espécie de vaidade, muito mais honesta. Com suas mechas acizentadas, as mulheres, como os homens, também ganham mais credibilidade, charme e, por que não, até juventude. Todos sabem: cabelos escuros, depois de uma certa idade, endurecem o semblante - e eu, que sou praticamente uma índia, não quero escutar mais nada: vou acabar essa crônica e ir pra cama chorar.

Ou seja, aquele truque de ficar loira pra não ficar velha estaria com os dias contados. Nem loira, nem ruiva, nem castanha, nem índia Sioux. Grisalha. É essa a verdadeira mulher moderna, de atitude.
Conceitualmente, concordo com tudo. Menos com a generalização. Que mulher é essa que só tem a ganhar? Qualquer uma de nós? Tá bom.

Recentemente estive no teatro e vi uma mulher com os cabelos curtos e grisalhos. O rosto dela era igual ao da Jaqueline Bisset nos áureos tempos. Tinha quase dois metros de altura, magérrima e superestilosa. Ela nem precisava de cabelo nenhum, podia ter um balde em cima da cabeça e continuaria um deslumbre. Mas para a mulher comum, que não chega a medir 1m65cm, que não tem corpo de modelo nem um guarda-roupa estiloso e ainda por cima quer manter os cabelos compridinhos, assumir a grisalhice é um homicídio qualificado contra si mesma.

A autora do livro condena a busca por uma aparência mais jovem. Concordo que não devemos entrar nessa neura: cada uma de nós pode ser atraente na idade que tiver. Mas o livro trata todas as pró-tinturas como mulheres patéticas que querem ter 18 anos para sempre. Nunca é levantada a hipótese de desejarmos apenas ter uma relação cordial com nosso espelho, mirar-se sem ter vontade de gritar.

O assunto não é sério, mas totalmente trivial também não. Que mulher, em pleno gozo das suas faculdades mentais, diria que não dá a mínima pro cabelo? Eu, por enquanto, nem penso em cirurgias, botox ou preenchimentos, tenho pânico só de pensar em escarafunchar meu rosto - não que eu não precisasse - , mas me acusar de não ter atitude porque passo um tonalizantezinho de nada já é querer humilhar. Tenho atitude, sim, principalmente a atitude de pegar o telefone e marcar hora no cabeleireiro. Quem fala que isso é perder tempo não sabe que bela companhia é um livro enquanto a tintura age. Leve um livro pro salão e ganhe cultura enquanto "perde tempo".

Um cabelo branco, todinho branco, e bem curtinho, acho um charme total. Funciona porque branco é cor. Grisalho é o quê? Cansaço.

martha medeiros

Há um canto remoto desse país
de verdes campos,revoada de pássaros,
belas cascatas,
que repousa sobre um lençol branco.
Há um recanto
de aguas cristalinas, areia fina
no ar,
numa muda comtemplação reluzente do horizonte
um vai e vem atordoante
Há um encanto
palavras querendo viver
bocas querendo beijar
sonhos pra se sorrir
amores, ah! esse pra se amar.

Patricia tieko


Contato Politica de Privacidade Datas Comemorativas Facebook Twitter Google+