Mensagem de despedida

> Mensagem de despedida



Encontrados 110 pensamentos de mensagem de despedida

ÀS vezes não basta um adeus para uma despedida...
ÀS vezes e preciso mais que um deixar de pensar pra si esquecer
Às vezes não resta mais nada a fazer, mas ainda resta uma esperança.
Às vazes deixar de pensar não leva ao esquecimento
ÀS vezes ser politicamente correto não vai mudar o mundo
Tem dias que o sol nasce, tem dias que não.
Tem horas que passam despercebidas, mas tem horas que não passam...
Tem momentos totalmente especiais, mas tem momentos muito insignificantes.
Tem sentimentos alegres, mas também tem os sentimentos de tristeza...
Amar nem sempre e possível de fato... Mas um dia si descobre o verdadeiro amor...
Ser puro nem sempre e bom, mas um dia si descobre que e preciso ser puro de corpo e alma...
“Amigos não existem e o que mais si ouve...”.
Mas nunca foi dito que e preciso não deixar de pensar, não perder a esperança quando não resta mais nada a fazer...
Nunca disseram que não se podia parar de pensar, nunca disseram que uma amizade tem o dia de sol e o dia de chuva por Isso se descobre quem e amigo, por estar ali ao teu lado nos momentos bons e ruins...
Nunca disseram que quando estamos ao lado de um amigo tem horas que passam correndo, mas marcam pela intensidade... Nunca foi dito que os momentos de brigas de uma amizade verdadeira são insignificantes diante dedo perdão dado com tanta pureza...
Nunca foi dito que em uma amizade os sentimentos alegres são todos aqueles vividos com intensidade... E os de tristeza o que si divide com o outro na dor...
Nunca foi dito que quando si tem um amigo de verdade aprendemos a AMAR de fato... Descobre - se o amor puro como o de uma criança...
MAS SOMENTE ENCONTRA TUDO ISSO EM UMA AMIZADE QUANDO SI E PURO DE CORPO E ALMA...
E COMO NINGUÉM NUNCA DISSE ISSO AGORA DEIXO AQUI MINHAS PALAVRAS SOBRE UMA VERDADEIRA AMIZADE E UM VERDADEIRO
AMOR=]
By: NAY

NAy s2 XUh

É tarde eu preciso ir agora
Uma despedida sem fim
Ouvindo o adeus daquela velha senhora
Vivo hoje com pedaços de mim
Achei que julgaria o fim
com certeza que todos erros foram meus
Mas me engano...
Como sempre...
Minha inocencia cegou a voce
Mas nao tao quanto cegou a mim...
Estavamos la
Ouvindo os saBios disseres daquela velha senhora
Oh, nao poderia julgar o fim...
Enquanto houver em que acreditar
Enquanto tiver esperanças pra lutar..
Ela poderia ter deixado voce morrer ali
Mais nao ela nao quis
Por que a tua causa nao a assustou
Voce magoa tudo aquilo que ama
Mas nao entende por que tem que ser assim
OH, voce nao teria coragem de julgar a mim?

Paula Câmara Ferreira

Minha despedida

Não é um adeus definitivo...
preciso de tempo
vou sair pelo mundo!
vou viajar, estudar.
vou curar as feridas da alna...
e também do coração...

Vou analisar o mundo, os astros..
Mas levo todos vocês em meu coração
Vou deixar a porta aberta para quem quiser
visitar-me e deixar o seu recado...
Onde quer que eu esteja
sempre que der eu passarei para lhe visitar

Sou errante...viajante do tempo
Eu sou como o vento
Apenas eu passo
Se sentires um leve aroma de jasmim...
Serei eu que estarei chegando
Pra matar minha saudade...
Dos amigos que aqui deixei!

Vou passar na Argentina
Vou dançar um tango de Gardel
Vou levar meu violão
Vou rimar meus versos
Vou ouvir meu coração
Vou apreciar a natureza
Vou observar o colorido das flores
Vou melhorar meu visual
Vou aos anjos agradecer...

Não é um adeus...Apenas uma partida
Na vida precisamos inovar novos caminhos...
E eu ainda sou um mero aprendiz....

♥

Autor Desconhecido

NEOQEAAV

(N)essa despedida de outono,
(E)u disse adeus querendo ficar...
(O)doce encanto entre nós dois,
(Q)uebrou!!!
(E)u nunca te prometi um final feliz!
(A)gora não há mais riso, não há mais canto...
(A)gora só há lembranças, doces momentos pra recordar.
(V)ocê nunca me prometeu que não me faria chorar...

(Nunca Esqueça O Quanto Eu Admiro Adoro Vc,JB)
01/05/2008

NEOQEAV

O BEIJO

Guardo teu beijo, terno beijo, na memória.
No outono cinza, a despedida, último adeus,
como se foras sem deixar-me uma esperança
de reviver o teu carinho e os lábios teus!

Amargurando o teu partir, restou-me o beijo.
Sonho desfeito, nem as folhas esqueceram,
no farfalhar, de relembrá-lo nas canções,
brincando algures junto às brisas outonais!

As estações se sucederam desde então!
Alma constrita, olhar perdido no horizonte,
dei-me ao letargo dos impulsos lascivosos!

Trago a utopia de uma espera que me aturde!
Cedo o destino e a vida; ao tempo, entrego a morte,
mas na esperança de beijar-te uma outra vez!

Antonio Kleber

"E no meio dessa confusão alguém partiu sem se despedir; foi triste. Se houvesse uma despedida talvez fosse mais triste, talvez tenha sido melhor assim, uma separação como às vezes acontece em um baile de carnaval — uma pessoa se perde da outra, procura-a por um instante e depois adere a qualquer cordão. É melhor pensar que a última vez que se encontraram se curtiram muito — depois apenas aconteceu que não se encontraram mais. Eles não se despediram, a vida é que os despediu, cada um para seu lado — sem glória nem humilhação.
Creio que será permitido guardar uma leve tristeza, e também uma lembrança boa; que não será proibido confessar que às vezes se tem saudades; nem será odioso dizer que a separação ao mesmo tempo nos traz um inexplicável sentimento de alívio, e de sossego; e um indefinível remorso; e um recôndito despeito.
E que houve momentos perfeitos que passaram, mas não se perderam, porque ficaram em nossa vida; que a lembrança deles nos faz sentir maior a nossa solidão; mas que essa solidão ficou menos infeliz: que importa que uma estrela já esteja morta se ela ainda brilha no fundo de nossa noite e de nosso confuso sonho?
Talvez não mereçamos imaginar que haverá outros verões; se eles vierem, nós os receberemos obedientes como as cigarras e as paineiras — com flores e cantos. O inverno — te lembras — nos maltratou; não havia flores, não havia mar, e fomos sacudidos de um lado para outro como dois bonecos na mão de um titeriteiro inábil.
Ah, talvez valesse a pena dizer que houve um telefonema que não pôde haver; entretanto, é possível que não adiantasse nada. Para que explicações? Esqueçamos as pequenas coisas mortificantes; o silêncio torna tudo menos penoso; lembremos apenas as coisas douradas e digamos apenas a pequena palavra: adeus.
A pequena palavra que se alonga como um canto de cigarra perdido numa tarde de domingo."

Rubem Braga

*** ESTAS SÃO AS PALAVRAS QUE EU NUNCA DISSE***

Eu não sei o porquê você disse adeus, mas eu lembro do ultimo beijo que você me deu. Eu gravei tudo em mim. Com você aprendi que talvez não sejamos tão bons quanto queremos, mas o melhor de nós é o que realmente vale a pena. E que não devemos amar pela beleza, por que ela acaba, nem por admiração por que nos decepcionamos, mas apenas amar, amar as pessoas como se não houvesse o amanhã já que ele é incerto e que devemos amar as pessoas quando elas menos merecerem, pois é quando mais precisam, por que nem o tempo nem força alguma é capaz de nos fazer esquecer um amor sem explicação. E que não devemos levar a vida tão a serio, já que ela esta na variedade e que o fantástico dela é fazer de um pequeno instante um grande momento. E ainda que em vão busquemos ao longe a felicidade se não a cultivamos dentro de nós mesmo. E que todas as pessoas que passam pela vida, pela nossa vida não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si e levam um pouco de nós. Ensinou-me também que a maior prova de amor é saber abrir mão dele, e que ele é o maior de todos os mistérios e que é como a FÉ, na qual devemos confiar sem ter reservas. E o que eu realmente aprendi com tudo isso? É que não ensinamos nada a alguém apenas a ajudamos a encontrar as respostas dentro dela mesma e ainda que o mais importante que adquirir uma grande sabedoria é humildade na hora de transmiti-la. E por fim que ser forte é reconhecer a própria fraqueza.

MAURYEM NEVES

*** ESTAS SÃO AS PALAVRAS QUE EU NUNCA DISSE***

Eu não sei o porquê você disse adeus, mas eu lembro do ultimo beijo que você me deu. Eu gravei tudo em mim. Com você aprendi que talvez não sejamos tão bons quanto queremos, mas o melhor de nós é o que realmente vale a pena. E que não devemos amar pela beleza, por que ela acaba, nem por admiração por que nos decepcionamos, mas apenas amar, amar as pessoas como se não houvesse o amanhã já que ele é incerto e que devemos amar as pessoas quando elas menos merecerem, pois é quando mais precisam, por que nem o tempo nem força alguma é capaz de nos fazer esquecer um amor sem explicação. E que não devemos levar a vida tão a serio, já que ela esta na variedade e que o fantástico dela é fazer de um pequeno instante um grande momento. E ainda que em vão busquemos ao longe a felicidade se não a cultivamos dentro de nós mesmo. E que todas as pessoas que passam pela vida, pela nossa vida não vão sós, não nos deixam sós. Deixam um pouco de si e levam um pouco de nós. Ensinou-me também que a maior prova de amor é saber abrir mão dele, e que ele é o maior de todos os mistérios e que é como a FÉ, na qual devemos confiar sem ter reservas. E o que eu realmente aprendi com tudo isso? É que não ensinamos nada a alguém apenas a ajudamos a encontrar as respostas dentro dela mesma e ainda que o mais importante que adquirir uma grande sabedoria é humildade na hora de transmiti-la. E por fim que ser forte é reconhecer a própria fraqueza.

MAURYEM NEVES

A Despedida


- Você vai aprender a viver sem mim, eu sei que vai. Ah, e... Se eu esqueci alguma coisa minha por aqui, por favor, avise-me depois. Tchau.

Ela colocou a mochila nas costas e saiu antes que ele pudesse dizer uma ou duas palavras. Bateu a porta e sumiu logo após a primeira curva da estrada. Nos olhos dele, milhares de lágrimas contidas ameaçavam saltar para fora a qualquer momento. Não, ela não sabia o que estava dizendo. Ela não imaginava que jamais ele aprenderia a viver novamente sozinho ou com outra garota qualquer. Era tudo tão completo, tão perfeito e tão feliz que, sem ela, nada restava. Nada.

Mas finais são sempre assim, tristes e frios. Em alguns momentos de lucidez, ele lembrava de certos filmes que havia visto, livros que havia lido e músicas que havia ouvido. Todos falavam sobre abismos, sobre amores despedaçados, sobre dores agudas, sobre estradas sem fim. Mas, dentro da ficção, tudo sempre tem cura: um outro amor, uma reconciliação, um novo brilho de presente aos olhos. Na realidade, tudo é diferente. Ela não voltaria, ele jamais encontraria alguém que pudesse substituí-la e talvez ele esquecesse, com o passar do tempo, coisas simples como andar ou falar, mas jamais esqueceria a sensação de estar ao lado dela.

O problema é que ela sabia demais. Sabia sorrir, brigar, escrever, contar histórias, chorar baixinho e ouvir as melhores músicas. Além disso ela era linda, linda além da conta, uma mistura de elementos doces, ásperos, cítricos e delicadamente aromatizados. Ela sabia bater o pé, impor suas vontades, perder a compostura e ainda assim manter aquele olhar inexplicavelmente sedutor. Maldito olhar, maldito sorriso. Ele tinha caído em todas as armadilhas, sem exceção. Para ela, era apenas mais um - um número, uma vítima, um degrau a ser superado.

Com a cabeça encostada na mesa, ele se lembrou que ainda morre-se por amor, por mais que a postura contemporânea tente absorver certos ditos poéticos. Decidiu, então, morrer um pedaço, necrosá-lo e extirpá-lo do próprio corpo, mesmo sabendo a quantidade de sangue que isto lhe custaria. Só assim poderia trilhar os caminhos de sua própria estrada, ainda que com um enorme buraco cavado no peito. Esta parecia a única saída no meio de tanta amargura: aprender a viver sem aquela carne, suportando apenas as marcas do ferimento.

Um corte sem cicatriz, que vez ou outra inflamava. A cada inflamação, o fogo cortante partia ao meio suas vísceras. Mas ele sabia como sobreviver, apesar de ferido. Ferido e sem ela.

Vanessa Marques

A despedida

Nossos corpos se trasforma num só talvez pelo dezejo do fogo da paixao. Nossas almas se junta e sentimos o mais puro amor.



Nossos corações chora na hora da separação.



Ja não conseguimos viver mais separados precisamos cada vez



um do outro.



Mais o destino foi cruel com agente e nos separou para sempre

Autor Desconhecido

A pessoa que inventou a distancia nao sabia a dor da saudade.
é dificil dizer adeus quando se quer ficar, e dificil sorrir quando se quer chorar, e ainda é mais dificil estar longe de algeum que tanto se ama.

Meliva

A razão por que a despedida nos dói tanto é que nossas almas estão ligadas.Talvez sempre tenham sido e sempre serão.Talvez nós tenhamos vivido mil vidas antes desta e em cada uma delas nós nos encontramos.E talvez a cada vez tenhamos sido forçados a nos separar pelos mesmos motivos.Isso significa que este adeus é ao mesmo tempo um adeus pelos últimos dez mil anos e um prelúdio do que virá.
(Diário de uma paixão)

Nicholas Sparks

A vida me ensinou...
A dizer adeus às pessoas que amo,
Sem tira-las do meu coração;

Sorrir às pessoas que não gostam de mim,
Para mostra-las que sou diferente do que elas pensam;

Fazer de conta que tudo está bem quando isso não é verdade,
Para que eu possa acreditar que tudo vai mudar;

Calar-me para ouvir;
Aprender com meus erros .
Afinal eu posso ser sempre melhor.

A lutar contra as injustiças;
Sorrir quando o que mais desejo é gritar todas as minhas dores para o mundo,

A ser forte quando os que amo estão com problemas;
Ser carinhosa com todos que precisam do meu carinho;
Ouvir a todos que só precisam desabafar;

Amar aos que me machucam ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos;
Perdoar incondicionalmente,
Pois já precisei desse perdão;
Amar incondicionalmente,
Pois também preciso desse amor;

A alegrar a quem precisa;
A pedir perdão;
A sonhar acordado;
A acordar para a realidade (sempre que fosse necessário);
A aproveitar cada instante de felicidade;

A chorar de saudade sem vergonha de demonstrar;
Me ensinou a ter olhos para "ver e ouvir estrelas", embora nem sempre consiga entendê-las;
A ver o encanto do pôr-do-sol;

A sentir a dor do adeus e do que se acaba, sempre lutando para preservar tudo o que é importante para a felicidade do meu ser;

A abrir minhas janelas para o amor;
A não temer o futuro;

Me ensinou e esta me ensinando a aproveitar o presente, como um presente que da vida recebi, e usá-lo como um diamante que eu mesma tenha que lapidar, lhe dando forma da maneira que eu escolher.

Charlin Chaplin

A vida me ensinou...
A dizer adeus às pessoas que amo,
Sem tira-las do meu coração;
Sorrir às pessoas que não gostam de mim,
Para mostra-las que sou diferente do que elas pensam;
Fazer de conta que tudo está bem quando isso não é verdade,
Para que eu possa acreditar que tudo vai mudar;
Calar-me para ouvir;
Aprender com meus erros .
Afinal eu posso ser sempre melhor.
A lutar contra as injustiças;
Sorrir quando o que mais desejo é gritar todas as minhas dores para o mundo,
A ser forte quando os que amo estão com problemas;
Ser carinhosa com todos que precisam do meu carinho;
Ouvir a todos que só precisam desabafar;
Amar aos que me machucam ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos;
Perdoar incondicionalmente,
Pois já precisei desse perdão;
Amar incondicionalmente,
Pois também preciso desse amor;
A alegrar a quem precisa;
A pedir perdão;
A sonhar acordada;
A acordar para a realidade (sempre que fosse necessário);
A aproveitar cada instante de felicidade;
A chorar de saudade sem vergonha de demonstrar;(Já fiz d+ esse ano)
Me ensinou a ter olhos para "ver e ouvir estrelas", embora nem sempre consiga entendê-las;
A ver o encanto do pôr-do-sol;
A sentir a dor do adeus e do que se acaba, sempre lutando para preservar tudo o que é importante para a felicidade do meu ser;
A abrir minhas janelas para o amor;
A não temer o futuro;
Me ensinou e esta me ensinando a aproveitar o presente, como um presente que da vida recebi, e usá-lo como um diamante que eu mesma tenha que lapidar, lhe dando forma da maneira que eu escolher...

Fênix Faustine

A vida me ensinou...
A dizer adeus às pessoas que amo.
Sem tira-las do meu coração;
Sorrir às pessoas que não gostam de mim...
Para mostra-las que sou diferente do que elas pensam;
Fazer de conta que tudo está bem quando isso não é verdade.
Para que eu possa acreditar que tudo vai mudar;
Calar-me para ouvir;
Aprender com meus erros .
Afinal eu posso ser sempre melhor.
A lutar contra as injustiças;
Sorrir quando o que mais desejo é gritar todas as minhas dores para o mundo.
A ser forte quando os que amo estão com problemas;
Ser carinhosa com todos que precisam do meu carinho;
Ouvir a todos que só precisam desabafar;
Amar aos que me machucam ou querem fazer de mim depósito de suas frustrações e desafetos;
Perdoar incondicionalmente...
Pois já precisei desse perdão;
Amar incondicionalmente,
Pois também preciso desse amor;
A alegrar a quem precisa;
A pedir perdão;
A sonhar acordada;
A acordar para a realidade (sempre que fosse necessário);
A aproveitar cada instante de felicidade;
A chorar de saudade sem vergonha de demonstrar;(Já fiz demais esse ano)
Me ensinou a ter olhos para "ver e ouvir estrelas", embora nem sempre consiga entendê-las;
A ver o encanto do pôr-do-sol;
A sentir a dor do adeus e do que se acaba, sempre lutando para preservar tudo o que é importante para a felicidade do meu ser;
A abrir minhas janelas para o amor;
A não temer o futuro;
Me ensinou e esta me ensinando a aproveitar o presente, como um presente que da vida recebi, e usá-lo como um diamante que eu mesma tenha que lapidar, lhe dando forma da maneira que eu escolher...

Fenix Faustine

Adeus

Solto palavras ao vento
Meu coração é frágil
e minha tristeza me dói
você se foi para longe
tão distante e te sinto aqui
perto de mim
porque sofro por tua ausência
e a melancolia é velha parceira
nas noites frias e todos os dias de sol
não fosse teu calor, talvez seria feliz
talvez um outro amor,
talvez a primavera...
é essa incerteza que me mata
talvez você fosse uma mera coincidência
uma estrela que brilhou e se findou...
talvez eu nem te amasse tanto
se no meio de tudo
não houvesse a palavra adeus...

wander Almeida

Wander Almeida

ADEUS
(16/01/2008)

Não penso no adeus de forma normal.
Penso no adeus de forma cotidiana e depressiva.
Penso no adeus momentâneo,
O adeus que não deu tempo.
Penso no adeus de muitos
E no adeus contido que não se pôde dar.
Penso no adeus exaustivo,
No adeus cansativo,
No adeus encharcado de lágrimas.
Penso no adeus chocado,
No adeus calado,
No adeus molhado de quem esperava retornar.
Penso no adeus que não se foi,
No adeus que não volta,
No instante do adeus.
Penso naquele adeus semicerrado,
Abusado, despreparado para se dar.
Penso no adeus a todo custo,
No adeus de todo mundo,
No adeus que parte mudo.
No adeus que acaba tudo.

Germana Facundo

Adeus
Não deixe que o medo atrapalhe seus sonhos, mas nunca se esqueça mesmo na derrota ou na vitória da queles que mesmo distantes independentes do que aconteceu contigo oram e torcem para que você consiga vencer pois eles são a grande razão de sua existência. Sou igual a uma ave que sai do ninho, para trilhar passo a passo a sina que Deus me deu. Precisso lutar com a vida para te dar mamãe querida uma vida mais confortável e nesse triste momento vou fazer um juramento que só voltarei para traz se eu conseguir triunfar porem se eu fracassar aqui eu não volto mais não chore papai na chore não sou o filho que more vou apenas conhecer o mundo, mas do pai querido não vou esquecer um minuto! Sei que em estradas estranhas papai e mamãe estão junto a mim pertinho do coração. E sempre que a noite desse, eles virão numa prece filinho a nossa bênção, nas ondas frias do vendo mandarei meu pensamento a levar um recado meu e dizer mamãe querida não encontrei nessa vida um amor igual ao seu, te amo mamãe!

Junior rauber

Adeus
E fiquei sozinha
Sofro a tua ausência
A falta do teu carinho
Ouve o meu choro baixinho
É um canto magoado
Não sei se canto se choro
As lembranças do passado.
Adeus

São cinco pequenas letras
Escondem soluços de dor
Ao sentir a enorme magoa
Por se despedir de alguém
Adeus
É uma estrada sem fim
Nunca por nós palmilhada
E de os olhos rasos de água
Estou numa encruzilhada
Por me despedir de ti
Adeus
Sei que ficas a chorar
Com o coração partido
É um soluço de dor
Recordação de um amor
Não chores...
Adeus significa talvez..
Adeus não significa nunca mais
Adeus é um até logo..
Adeus pode ser
Começar de novo e valer a pena.

Nos meus olhos nunca verás um adeus

Divine

Ai de quem ama

Quanta tristeza
Há nesta vida
Só incerteza
Só despedida

Amar é triste
O que é que existe?
O amor

Ama, canta
Sofre tanta
Tanta saudade
Do seu carinho
Quanta saudade

Amar sozinho
Ai de quem ama
Vive dizendo
Adeus, adeus

Vinícius de Moraes

ÃOS.
MAÕS QUE PEGAM
MÃOS QUE ABENÇOAM
QUE DÃO ADEUS
QUE APERTA
OUTRA MÃO
NUM GESTO
DE PERDÃO..

MAÕS QUE ESCREVEM
ABSORVENDO ALGUÉM
ESSAS MESMAS MÃOS
ASSINAM UM PAPEL
CONDENANDO TAMBÉM.

MÃOS QUE AJUDAM
AO FETO NASCER
QUE AJUDA-OS CRESCER
QUE CUIDA AO ENVELHECER
MÃOS QUE ACARECIA NA DOR
QUE AFAGAM UM ROSTO
NO SEU SEMBLANTE DE AMOR.

MAÕS QUE MATAM
QUE MALTRATAM
MÃOS QUE FAZ O BEM E O MAL
SEJA PRETA, BRANCA OU AMARELA
NÃO IMPORTA SUA COR


MAÕS DE GENTE QUE GEME
QUE EMPALIDECE E TREME
QUANDO ALGUÉM AS ESTENDEM
PEDINDO PERDÃO
NUM GESTO DE AMOR.
SEM QUE NINGUÉM LHES DER ATENÇÃO.


MAÕS QUE NA GUERRA
SEGURA UM FUZIL
MESMO QUE TREMULA
SEM NENHUM CONTROLE
DISPARA O GATILHO
OUVE-SE UM GRITO
POR ESSAS MESMAS MAÕS
ACABA DE MATAR UM IRMÃO

MONTEIROEULINA

Atras da porta

Quando olhaste bem nos olhos meus
E o teu olhar era de adeus
Juro não acreditei
Eu te estranhei me debrucei,
sobre o teu corpo e duvidei
E me arrastei de te arranhei
E me agarrei nos teus cabelos
Nos teus pêlos, no teu pijama
Nos teus pés, ao pé da cama.
Sem carinho sem coberta
No tapete atrás da porta
Reclamei baixinho
Dei pra maldizer o nosso lar
Para sujar teu nome te humilhar
E me vingar a qualquer preço
Te adorando pelo avesso
Pra mostrar que ainda sou tua
Só para mostrar que ainda sou tua...

Chico Buarque

Canção Da Eterna Despedida

A noite é linda
inda palpita no mar
a lua cheia a se esvair em luar
Vem, ó minha amada
e fica linda e sem véu
como essa lua no céu

Eu sou o mar
Ó meu amor, diz que sim
E vem pousar o teu luar sobre mim
Vem que todo dia
cada noite tem um fim
só para nos separar

Ai, minha amada
madrugada chegou
e a sua luz me diz que devo partir
Mas meu coração
não compreende a razão
de me arrancarem de ti

É tanta a mágoa
desta separação
que já meu corpo chora a falta do teu
Que esses cantos meus
são como prantos de adeus
por me arrancarem de ti

Antonio Carlos Jobim Vinicius de Moraes

Carta de despedida 25/10/2007


É duro receber um baque desses agente se pergunta tanta coisa... será oq foi dito foi real, onde estava errado??! n sei!
agente tinha quase tudo pra ser feliz... a ksa o suposto'' Amor'' e agora o nossa filha ... será q tava faltando alguma coisa??
É irônico como as coisas acontecem tudo rapido começo, meio e fim...
Agente tinha tudo pra ser feliz tudo pra ser uma familia mas alguma coisa deu errado...
Nesse momento q era pra ser um momento único e lindo acabou se tornando um pesadelo pra mim... a idéia de fik sozinha no momento em q eu mais preciso de vc me assusta muito, eu percebi q era vc q me segurava se eu não tinha desabado ainda com a noticia dessa filha era pq vc estava comigo era a segurança e a certeza q vc me passava q tudo seria fácil se estivéssemos juntos. Pois foi assim até o momento... daí então começou tudo a desabar
Será q vou ser capaz de agüentar tudo sozinha?? parecia tudo ser de mais pra mim...
Oq eu estou escrevendo n é um pedido nem chantagem nem nada parecido é um desabafo, n faço mas parte da sua escolha tudo oq aconteceu me fez pensar se valeria a pena passar tudo isso por vc, e cheguei a conclusão q meu amor por vc é forte e só q é da minha vida q estamos falando é a minha felicidade, se ficássemos juntos será q eu seria feliz , não ficaria seria pior e isso pra q?! pelos simples fato de está com vc?! Será q só esta com vc me bastaria?! Não com certeza não! Qndo eu te amava tinha uma minúscula q fosse mas era, uma certeza q vc me amava,não faço mas parte desse jogo, vamos viver nossas vidas, a filha nasce não vai fik na barriga pra sempre e dps a minha vida será tudo como antes a diferença é que vai ter minha filha ainda n sei se voh aguentar essa barra mas estou confiante é uma de tantas q estaum por vir tenho q amadurecer de uma vez por todas rsrsrs e vou fazer isso junto com ela, era pra ser nos três eu vc e o nossa filha mas esta sendo diferente se é pra ser diferente q seja então. Não posso dizer q me arrependo de ter fikdo esses quase 6 meses rsrs com vc mas se voltasse n teria mudado muita coisa só teria me prevenido ser mãe soutera naum é q era meu sonho rsrsrsr
Ter fikdo com vc tem vezes q eu digo q foi um dia maldito mas qndo penso sem estar com raiva vejo q foi uma das artes de Deus rsrs tudo aconteceu muito naturalmente ter percebido vc, querer fik com vc de uma hora pra outra eu te olhei diferente e aí jah foi xoneiii tudo rápido q nem deu tempo de perceber o tempo passar =] qndo eu percebi agente jah tava dormindo todo dia junto passar o dia sem vc era uma eternidade as horas pareciam não passar, não via a hora de te ver e qndo te via tudo passava o tempo parava não queria nem dormir pra não fik esperando o outro dia passar de novo rsrsr eita AmoOr! Como diz jah a musica ¨Mas qnta coisa aconteceu e foi dita qualquer mínimo detalhe era pista coisas q ficaram para trás coisas q vc nem lembra mais...¨ essa musica tem tudo a ver com aconteceu e com oq esta acontecendo com agente. Tudo tem um motivo e uma razão se Deus nos uniu por pouco tempo q fosse não foi por acaso. Será q agente enjuou um da kra do outro?! Será q o Amor acabou será q é uma faze q vai passar?? Não sei... mas como pode Amor ter acabado se não consigo fik 2 dias longe de vc como posso ter enjoado se qro te ver, dessa forma será q é possível?? Não sei oq sei é q te Amo muitOoo. Pensei durante essa semana toda qual era a coisa certa a fazer, ja me magoei de mais precisamos dar um fim a essa historia e é com uma dor no peito q tomei essa decisão em relação a nois dois não tem mais oq fazer. Não faço mais parte da sua indecisão.




conclusão: estamos juntos rsrs

Letty BeLo

Confissão





Adeus meus sonhos...

O medo é um sentimento que nos torna fraco.

Atravesso silenciosamente o cemitério.

Sangue e lágrimas derramadas no chão.

A lápide presa num mundo escuro e sombrio,

Pessoas de preto se aproximam.

Uma sensação de medo e arrepio.

Um brilho que impressiona a todos e torna

Vivo os mortos na escuridão...

Roubarei sua alma e invadirei seus pensamentos.

Sempre vivi com a morte dentro da alma.

Tanta agonia, desespero, angústia, dores sem causa.

Prantos sem nem mais pausa.

Risos que já não me chegam ao rosto.

Noites passadas de olhos abertos,

sem nada ver ou falar,

Só esperando a morte chegar...

Sabrina Roberta


Contato Politica de Privacidade Datas Comemorativas Facebook Twitter Google+