Frases de Keidy Lee Jones

> Autores > Keidy Lee Jones



1 - 25 de 94 pensamentoss de Keidy Lee Jones

Por Trás de Mim

Por trás desse meu sorriso há alguém chorando,
Por trás da luz duvidosa que meus olhos passam,
Há alguém cheio de dúvidas em relação ao tudo,
Há alguém que simplesmente não se entende,
Há uns olhos que não são o espelho da alma,
Pois se fossem, eu desprezaria tua pena.

Keidy Lee Jones

Sonhar É Pouco, É Preciso Viver

Quando abro os olhos
Desperto a minha infância
Algo novo e bom surge
Como quando nos conhecemos.
Os olhos se encontram
A vida se cruza por inteira
Belas fantasias verdadeiras
Mais que belas poesias...
Quando fecho os olhos
Descanso a minha mente
Encontro a minha velhice
Sempre ao seu lado.
Sonhando a realidade
Que poderia existir
Quem poderá enxugá-la?
E, a lágrima cai, cai...

Keidy Lee Jones

Amor e Poesia

Dedilhando as páginas de meu livro,
Cá estou lendo poesias bonitas.
Nenhuma delas é mais graciosa que teu sorriso,
Não há uma sequer.
Nenhuma delas me deixam tão bem como o teu beijo,
Tão completa como a tua presença,
Tão feliz como o teu cheiro.
Nenhuma delas amo mais que você.

Keidy Lee Jones

A Porta

Se a porta estiver aberta
Não penses que pode entrar
Que o meu peito está vendido
Que irei seguir seu caminho.

Se acaso perceber um laço
Dê um grito lá de fora
Responderei que não notei
Ou que não estou disposta
A entender suas incertezas.

Já perdoei suas mentiras
Fui capaz de decifrar
Coisas que antes não sabia
Mas, você simplesmente não me conhecia.

E, se agora estou ditando
Como antes não fazia
Não fique perturbando
Minhas mágoas e tolices
Um sorriso percebido
É a minha anestesia.

E não penses que irá
Invadir meu sono
Pois já fiz tantos planos
Hoje dormirei tranqüilo.

Keidy Lee Jones

A Razão de Nossas Vidas

(keidylee.blogspot.com)

Lá do alto das montanhas
Sejamos firmes – alguém gritou.
Friamente sinto um toque
Algo desandou.
Cumpria com paixão
Cada ordem recebida
Sim, estamos em busca,
Da razão de nossas vidas
Decifrando mapas
Atrás de novas conquistas
Às vezes esquecendo das velhas
Que no passado nos livrara da guilhotina.

O capitão havia esquecido as trilhas
Caminhar com o coração, é essa nossa ida
Atrás de alimentos que matem, toda a dor da partida
Sejamos fortes – novamente o capitão gritou
Nada vai nos parar enquanto houver vontade
Aqui é nosso lugar,
Novamente preocupados
Pois tudo se perdeu.

Um bando ameaça:
– Rendam-se ou morram!
Isso ainda não se ouviu
Devemos continuar tentando
Pois nada sucumbiu.

Não me entrego,
Não me entristeço
Com a ira dos dragões
Somos tão pequeninos
Mas nossa coragem se entrelaça
Com um desejo insano de vencer
Enfrentamos mil ladrões
Levantar é preciso quando o sol amanhecer
Nem que amanheça dormindo
E acorde quando o dia escurecer.
É de onde sai toda a raça,
Razão de nossas vidas
Pois preferimos morrer a nos render
A eternidade de nossas feridas.

Keidy Lee Jones

O peso de uma lágrima

Qual será o peso de uma lágrima?
O q ela pode fazer em uma alma?
Seria ela capaz de arrasar um coração?
Ou de temer em dizer quem tem razão?
Ou mesmo de escolher o talvez entre o sim e o não?

Que peso tem uma lágrima?
Aquela lágrima que o teu olho descarta?
Que foges do teu olho como ilusão?
Que não dá voz ao coração?
Qual o peso dá lágrima que ontem derramou?
Seria o peso da melancolia?
Do amor?
Da poesia?

Talvez um dia descubra...
O peso de uma lágrima.

Keidy Lee Jones

Visão Louca - Crônicas da Vida

Loucura é qualidade. Só os loucos possuem uma visão perfeita do mundo.
Eles enxergam o que os anormais seres humanos não conseguem vê.
Eles aplaudem o que para os estranhos não há graça.
Eles são loucos e os estranhos são apenas humanos.

Keidy Lee Jones

O Momento Que Quero Arriscar (Leia mais em keidylee.blogspot.com)

Devagar,
Sem alarde
Em cima de um arranha-céu
Gritando alto
Para saber se o silêncio
Se corrompe
Com uma nota musical.

Olho por todos os lados
Onde jogar a munição
A quem entregar o coração?
A ninguém!
Ele é só meu.

Meu escudo e redenção
Verdade, é fato
Não sei.

Ele é só meu
Só meu,
Meu!

Keidy Lee Jones

Cena (Leia mais keidylee.blogspot.com)

Nunca entendi muito bem:
Por que as novelas
Sempre tem um final feliz?

Sei que vai me dizer:
“Não teria graça
Se o mocinho morresse
O bandido enrricasse
E vencesse”.

Sim! Não teria
Mas, acaso nunca perdeu
Um amor pra mentira?

E, por que é sempre no último capítulo
Que as coisas acontecem?
Os mocinhos e os outros núcleos se entendem,
Os bandidos confessam seus crimes,
Vão para a prisão,
Se arrependem e,
Não voltam para a vingança.

A novela na é o espelho da vida?!
Acaso conhece uma vida assim?

Por que os coadjuvantes
Não vencem no meio,
Os bandidos de vez em quando
Acabam bem e,
O mocinho não esquece
A mocinha depois de uma série de falhas?
Afinal, nenhum amor resiste a tanto.
Havia esquecido,
Eles não brigam por falhas próprias,
Pois elas não existem.

Encontram-se no primeiro capítulo,
Surge um amor eterno.
Sim! É claro que acontece
Mas, precisa ser sempre assim?

A vida é assim?

Keidy Lee Jones

Quando

Quando os pássaros das cascas brotarem
Quando a lua no céu nascer
Quando as garças se embocarem
Quando o amor se mudar para longe
Quando os traços apagarem o bonde
Quando as entrelinhas não existirem
Quando o antigo parecer novo
Quando as mentiras forem confessadas
Quando as intrigas estiverem acabadas
Quando as declarações forem bem feitas
Quando os laços não forem rompidos
Quando o imenso não se opuser a qualquer eira
Quando o amor não acabar em três dias
Quando pensar em ir registrar minha vinda
Quando meu corcel parecer insano
Quando se cruzarem os oceanos
Quando se mudarem para cavernas
Quando não vires o que os esperam
Quando não estiver dormindo e sonhando
Quando não fores vítima de minha confusão
Quando parar e admirar a imensidão
Quando tentar escutar o coração.

Meu amor se findará.

Keidy Lee Jones

Se eu já andei conquistando alguém por ai,
Isso ocorreu sem intenção.
Não é de mim fazer juras intencionais.
Eu te amo!

Keidy Lee Jones

O Que Eu Quero? - Terceira Parte

Não quero muito
Apenas um travesseiro
Onde possa encostar a cabeça
E soletrar meus sonhos.

Keidy Lee Jones

Ao meu amor

Por você roubaria os anéis de Saturno;
Gritaria para o mundo ouvir o que você quer escutar;
Faria loucuras;
No céu pegaria sua estrela favorita, você é uma estrela;

E, por que as pessoas dizem que se pudessem escolher quem amar, amariam outro ser?
Eu amo amar você, minha cabeça não escolheu isso, foi meu coração.
Se eu pudesse escolher quem amar, você eu escolheria;
Você tem nos olhos a beleza da vida;
Tem na mente, sonhos bons e reais;
Tem no coração o sentimento mais belo.
Se eu nascesse mil vezes, mil vezes te amaria.
Você enxerga em minha mente tudo o que eu ainda não declarei;
Enxerga em meu coração, versos ainda não recitados;
Enxerga em minha alma meu grande amor por você.

Por você eu nem sei mais o que eu faria, mas faria!
Por você eu nem sei mais o que diria, mas diria.

Keidy Lee Jones

Há sim uma fonte inspiradora

Quando amamos não sabemos porque, não há motivos. A gente ama e pronto!
A melhor coisa do mundo é amar em uma proporção inimaginável e saber que és amado igualmente. Um amor desprovido de interesses, porém com desejos. Não há nada mais simpático e gratificante que vê quem você ama bem.
A emoção toma conta do ser. E, um passado bonito e um presente tranqüilo se julgam na sua certeza interna de que é para a vida inteira.

Keidy Lee Jones

O Ciclo

A calmaria da noite agitada não me deixa dormir
São tantos conselhos internos que chego a explodir
E encontro minhas maneiras que só agora aprendi.

Ela se revelará nas noites tranqüilas
Com um diálogo bonito cheio de ternura
Que lhe tocará a alma e entregar-se-á.

"Após dois séculos diários
a demora sai de cena
e os corações se encontram.
Tadinhos! Estão cansados".

Então, sendo assim, a rosa que acalanta
Deixa seus espinhos secos
Em cima de algo que você esquecera de lembrar.

Seu coração passeou sozinho e submisso
Ele não foi capaz de retratar um rosto e guardar,
Esqueceu as poucas feições ontem à noite
Quando saiu e começou tudo de novo.

Keidy Lee Jones

Sonho Sobre

Eu pensei que ia cuidar de ti para sempre
Mas não foi bem como eu quis, pena.

Queria que o mundo ficasse de novo aos meus pés.
Porque você teve que ir e me deixar sozinho aqui?

Amei acordar e de bom dia ganhar teu sorriso
Foi meu condutor naquele dia.

Livrei-te de alguns perigos, eu amei fazer aquilo
Nunca poderás reclamar de mim.

E agora? O que será?
Viverei sem você, tentarei,
Acabou e isso me machuca.

Meus sonhos desligados nada falarão mais
Passou, tenho que me conformar,
Meus sonhos desligados nada falarão mais
Passou, tenho que me conformar
A acordar sem você.

Não sei ainda como começar
Me dói profundamente não te ter,
Se quiseres voltar aqui estarei.

Keidy Lee Jones

Ditosa

O gozo de olhar
O semblante de tua linda face
Deleito-me nos teus braços
Ditosa deusa
Os teus olhos lindos
Me fazem tremer, amor.

Não é preciso armas
Para que me sinta protegida
Nem espadas e chakram
Nem todo o exército de Troia
E, a força de Esparta
Concedem-me a proteção
Que apenas o verdadeiro e puro amor
Transmite em mim
Perfeição Divina.

Óh, linda mulher
Que todo o Olimpo se põe a admirar
Mais bela que Afrodite
Faz-me suar.

Talvez seja a ti
Que sempre estive a procurar
Alguém que me faça sentir
Um amor tão forte
Que nos torne dois corpos
E, uma só alma.
Almas Gêmeas.

Keidy Lee Jones

De Você

De todas as loucuras, de todos os desejos, de todas as fases, de todas estrelas, de todas as pessoas, de todas as classes, de todas as idiotices, de todas as vidas...
... As suas, com você e de você me lembro mais!

Keidy Lee Jones

Sonhe Mais

Quando a sua realidade não bater com os seus sonhos, sonhe mais.
Quando os seus desejos não forem realizados, sonhe mais.
Quando a sua vida parecer uma rica fantasia, sonhe mais.
Quando o amor não bate na sua porta e você tem que correr atrás, sonhe mais.
Quando encontrares o verdadeiro amor e se sentires pleno, sonhe mais.
Sonhe que será para a vida inteira.

Keidy Lee Jones

Retrato da Ousadia

A extrema ousadia
De brincar de amar
E, de tornar real
O que não é mentira.

Só, o tempo não passa
Como passou um dia não tão só
Brincar com o que não é crime
Discriminado por não está tão só
Incriminado pela voz da vida
Que nem sempre tem a razão.

São tolos se achando na incumbência
De não serem tão burros assim
Como se foi pensado pelo retrato da ousadia.

Keidy Lee Jones

Mero Destino que eu Quero Avistar

"São devassos aqueles que sofrem por amor e não enxergam que existe realmente alguém que gosta de amar você".

Keidy Lee Jones

Desromantismo (keidylee.blogspot.com)

Pouco silêncio,
Cá estou a escutar
Amores eternos acabam
Em dois ou três dias.

No mar onde piratas se consagram
Nas ruas desestas que não calam,
Apelam por paixões inebriantes
Corações sozinhos e palpitantes,
Gritos escrevem suas novas canções
Decorrentes de tantas necessárias apresentações,
Cartas apelam sozinhas
A um dicionário de paixões proibidas:
Um pouco de amor.

Cansadas canetas românticas,
Cabeças pensativas vazias,
"Desromantismo" inaugurado sem nostalgia.

Keidy Lee Jones

Desvendando-me (leia mais em keidylee.blogspot.com)

Ando revelando meus medos por ai
Surpreendo-me, como se ainda não me conhecesse
Revelei entre outras,
Minhas paixões passadas.

Existiu momentos em que era metade suspiro,
Metade amor.
Respirava sem lembrar da dor,
Que outrora atormentara.

Mas, o que seria de mim?
Reinvento-me a cada fim.
Paixões passam a cada estação.
Dedico-as, o meu abraço e ombro.

Descobri que não vou deixar de te amar
Primeiro porque não irei tentar,
Não quero,
E, se tentasse não conseguiria
Meu único amor, minha vida
Não há no mundo o que eu possa escrever
Capaz de traduzir o que sinto por você.

Keidy Lee Jones

O Que Eu Quero? - Quarta Parte

Não quero muito
Apenas o complexo
Justificado numa chuva doce
Pra que não molhe meus contos.

Keidy Lee Jones

O Que Eu Quero? - Segunda Parte
Não quero muito
Apenas um banco de praça
Onde eu possa sentar,
Pensar e,
Escrever uma poesia.

Keidy Lee Jones


Contato Politica de Privacidade Datas Comemorativas Facebook Twitter Google+