POESIAS DA CORA carolina

> POESIAS DA CORA carolina



Encontrados 172 pensamentos de POESIAS DA CORA carolina

A BUSCA
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

A felicidade tem que morar
Dentro da alma
Se estas infeliz
Nao importa o pais
Nao tens calma

Sentes a dor constante
Machucando de mansinho
O coracao amargurado
Que luta desesperado
Pra nao chorar sozinho

Encontras Rita
Uma fogueira ambulante
Um mulata bonita
De calor de debutante
Banca a favorita
E revela um belo sorriso
O coracao palpita
E se perde o juizo

E encontras Vitoria
Uma loira dourada
Conta a estoria
De querer ser amada
Tem alguma gloria
Quando e beijada
Grita e chora
E se diz apaixonada

Encontras Giuliana
Uma europeia sofisticada
Um bela italiana
E muito perfumada
Se entrega gostoso
E te fala com o olhar
Te beija o pescoco
E promete ficar

E finalmente encontras
Sandra,uma morena linda
Parece tonta
Ao te dar boas vindas
E na verdade encanta
Muito mais ainda
Se parece uma santa
Com ar de menina

Mas onde esta a felicidade
Que se procura
Sera que ha verdade
Atras de uma jura?
Onde esta a sinceridade
No beijo que machuca
Ja passei da idade
De me perder nesta busca

A felicidade tem que morar
Dentro de nos
Nao importa o lugar
Ou o que destino diz
Pode se achar
O amor que faz feliz
Ou viver pra chorar

© 2007 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

AMOR DE VENTO
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Recebo tantos telefonemas
De loiras, ruivas e morenas
Querendo me dar amor, enfim
Mas sei que e um amor de vento
Que se apoia no excitamento
Que cada uma traz em si

Sei que sera uma chama repentina
Que logo,logo virara cinzas
Na realidade das primeiras brigas
Entao deixo o telefone tocando
E minha secretaria gravando
Tantas promessas e vozes bonitas

Parecem que elas esqueceram do amor
E como este e divino
Em todo o seu explendor
Parecem que nao podem ver
Que a paixao de momento
E um convite ao sofrimento
E um caminho de dor

Recebo tantas mensagens apaixonadas
Das mulheres mais ousadas
Que querem um pedaco de mim
Mas tenho a cabeca no lugar
E sei do que o amor e capaz
E este amor so voce pode me dar

O amor que cresce tranquilo
Na convivencia de dois seres unidos
Por um sentimento muito forte
O amor que conquista o mundo
Que atravessa o tempo
E e maior do que um jogo de sorte!

© 2007 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

AMOR MAIS CUIDADO

(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Ontem encontrei uma amiga
Que ha muito eu nao via
Ela me acenou com sua mao bonita
E me deu um sorriso de alegria
Voce me olhou com admiracao
E perguntou de onde eu a conhecia
Mas eu ja fui o seu Joao
E ela ja foi minha Maria


E conversamos outros assuntos
E fomos jantar fora
Quanto tempo estamos juntos
E quanto construimos ate agora
Voce me falou de seu coracao
E daquela amiga durante o dia
Mas eu ja fui o seu Joao
E ela ja foi minha Maria


Concentre-se no amor mais cuidado
E esquece o amor que ja morreu
Quem vive de passado
E o museu
Sou bem dado
E conheco todas minhas amigas
Mas nao sairei alucinado
Destruindo as nossas vidas


Hoje de manha te dei um beijo
E saimos para mais um dia
Fiquei pensando no desejo
Que encontro em sua presenca sadia
E acho que nao deve haver aflicao
Por causa da amiga de outro dia
Eu ja fui o seu Joao
E ela ja nao pode ser minha Maria

© 2007 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

AMOR VAGABUNDO
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Uma vez caminhei nas petalas de rosas
Quando te jurei o meu amor
Sao lembrancas e cancoes maravilhosas
De um tempo que ja passou

Uma vez pisei nas nuvens do ceu infinito
Quando eu te beijava a boca
Sao poemas e caricias de um passado bonito
Que ainda me machuca e me toca

Ai, quantos infinitos desejos
De receber muitos beijos
De amores estranhos
Assim vou vivendo pelo que preciso
E me libertando do feitico
De teus olhos castanhos

Ai, quanta vontade de gritar
E viver alem de chorar
Por um amor que perdi
Assim vou curando meu coracao
Substituindo a velha paixao
Que nao foi pra mim

Um vez caminhei nos veroes deste mundo
Quando eu a amava mais do que tudo
Sao lugares e dancas de um amor vagabundo
Que deixou meu peito mudo

© 2007 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

ANDORINHA INQUIETA
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Se o seu amor
E como a andorinha prisioneira
Que quer partir?
E ser livre?
Mostre valor
Auto respeito e confianca maneira
E a deixe ir!

Se ela esta triste?
Nao se humilhe,
Nao chore, nao implore,nao grite
Por sua ida!
Por sua decisao!
Sorria sempre!
Mesmo que que voce se sinta triste
Nesta fase da vida
No fundo do coracao!

Talvez seu amor
Se sinta sufocado
Se sente frustrado
Com tudo na vida
Mas a sua dor
Nao depende de voce
Nao depende do seu querer
Nem do seu amor

Depende dela
Saber quem e
Ser honesta com voce
E crescer juntos
E discutir os piores assuntos
Sem nada esconder

Se o seu amor
E uma andorinha inquieta?
Deixe a porta aberta
Para ela partir!
Se algum dia
Ela voltar entao
Voce sabera no coracao
Que ela sempre foi sua enfim

Mas primeiro
Deixa que ela adivinhe
Onde voce esta?
Deixe que ela telefone
So para te espionar!
Deixe que ela te pergunte
Mas nao diga nada
Deixe que ela chore
E purifique a alma torturada

Deixe que ela se torne melhor
E aprenda a te respeitar
Seja severo no amor
Antes de perdoar
Deixe que ela abra o coracao
E so a voce aprenda a confidenciar
Exija compromisso e abra as maos
Para que ela possa voltar

© 2007 Globrazil/Islo Nantes Music
[email protected] or [email protected]
Office: (914) 699-0186 or Cell: (914) 776-4867
USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

APOSSANDO DE MIM
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Voce foi se apossando de mim
De uma forma tao quente
Voce foi se apossando de mim
Assim tao impunemente

Ocupando meus espacos vazios
E dando-me o seu sorriso alegre
Domando meus sentimentos frios
E perfumando a minha pele

Voce foi se apossando de mim
Quando nem mesmo eu resistia
Voce foi se apossando de mim
Assim tao a revelia

Ensinando-me como ter prazer
Esquentando todo sangue em meu corpo
Mostrando que amar e dar e receber
Sem nunca ser um peso morto

Voce foi se apossando de mim
Com consciencia e razao
Voce foi se apossando de mim
E eu nao pude dizer nao

Voce foi se apossando de mim
De uma forma sua e pra sempre
Voce ainda esta se apossando de mim
Definitivamente

(c)2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Office:(914)699-0186 or (914)776-4867

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

CAVAQUINHO CARIOCA
(Luiz Islo NantesTeixeira/Carolina Teixeira)

Um dia
Meu cavaquinho por solidariedade
Chorou na minha saudade
E entendeu a minha dor

Musicalmente
Tentou te trasmitir o meu recado
Tocando um samba chorado
Que voce nao escutou

E assim de repente
Sensibilizou uma viola vadia
Que entendeu que a minha boemia
Era fruto de seu desamor

Tocamos a noite inteira
La no fundo do quintal
Tocamos a noite inteira
E fizemos nosso carnaval
Tocamos por tristeza
E a alegria chegou natural
Sentimos firmeza
Na cadencia de cada coracao

E na euforia
Meu cavaquinho na sinceridade
Mostrou que voce na verdade
Ja nao tinha valor

Profundamente
Compuz uma linda melodia
Dando razao ao que eu ouvia
E que a vida me ensinou

E todas magoas
E sofrimentos da minha saudade
Morreram diante da sonoridade
Do cavaquinho do compositor

© 2006 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

ESTAS MAOS
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Estas maos que estao vazias
Ja foram maos tao sadias
Acariciando o teu corpo moreno
Estas maos que colheram tuas lagrimas salgadas
Hoje sao maos tao calejadas
De fazerem grande teu mundo pequeno

Estas maos que te colheram flores
Que te abracaram nos teus dissabores
Nas tuas horas de maior solidao
Hoje sao maos tao frias
Colhendo as historias de fantasias
Que derramas pelo chao

Estas maos que ja foram tuas
Hoje sao maos tao nuas
Para esconder o meu rosto triste
Que chora a falta de tuas maos macias
Que me trouxeram tantas alegrias
Alegrias que ja nao existem.

Ah! Estas minhas maos calejadas
Queriam ter as tuas maos cansadas
Dadas a minha num passeio eterno
Pelo jardim do desejo
Onde num doce e sereno beijo
Tu me resgatarias deste meu inferno

Ah! Estas maos ainda sao tuas
Para te guiar pelas ruas
Na mudanca de cada estacao
Na danca de cada cancao
ou na seducao das noites nuas

Se tu voltares chorando
Segurando as tuas lagrimas
Contando das tuas magoas
Ou os desgastes de vazias paixoes
Deixe que minhas maos macias
Buscara o sol de todos os dias
Para serenar tuas ilusoes

Pois minhas maos vazias
Conhecem as alegrias
De novos desejos
E se de maos dadas
De abracos entrelacados
Descansaras com meus infindaveis beijos
© 2007 Globrazil/Islo Nantes Music
[email protected] or [email protected]
Office: (914) 699-0186 or Cell: (914) 776-4867
USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina. (Cora Coralina)

O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher.(Cora Coralina)

O saber se aprende com os mestres. A sabedoria, só com o corriqueiro da vida. (Cora Coralina)

Não sei ...se a vida é curta
ou longa demais para nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocarmos o coração das pessoas. (Cora Coralina)

“O que importa na vida não é o
ponto de partida, mas a caminhada.
Caminhando e semeando, no fim
terás o que colher.” (Cora Coralina)

Não sei se a vida é curta
ou longa demais para nós.
Mas sei que nada do que vivemos
tem sentido,
Se não tocarmos o coração das pessoas. (Cora Coralina)

O saber a gente aprende com os mestres e os livros. A sabedoria, se aprende é com a vida e com os humildes. (Cora Coralina)

Cora Coralina

MARCHA DAS FORMIGAS
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Olhando as formigas
Eu segurei a tua mao
Te acalmei querida
Com toda atencao

Animais tao pequenos
Marchando em filas
E meus bracos morenos
Te fazendo caricias

Fiquei sorrindo
Do momento lindo
Como tudo aconteceu
Teu rosto assustado
Lindo e corado
Bem diante do meu

Perfume macio
Enchendo o vazio
Bem dentro de meu nariz
Apesar do susto
Achei ser um luxo
Um momento feliz

Fiquei sorrindo....BIS

Marcham sauvas
Marcham vermelhas
Longe das nossas uvas
E longe das nossas telhas

Olhando as formigas
Voce me pegou a mao
Te segurei para vida
E mudei a direcao

Animais assim sutis
Nos arranjos florais
E meu coracao feliz
Te amando mais e mais

We wrote this song after we atended a movie about the African siafus - the killer ants. It is a march that we wrote 3 years ago.
(C) 2004 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails:[email protected] or [email protected]
Cell:(914)776-4867 - New York (more)

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

MERA DESCONHECIDA
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Quem e voce que permitiu seu olhar
Cruzar com os meus num certo instante
Quem e voce que seguiu meu caminhar
Com uma atencao bem insinuante

Quem e voce mera desconhecida
Que derrama todo seu charme onde piso
Quem e voce que num instante magico da vida
Me deu o seu mais lindo sorriso

Eu suponho que voce
Em algum lugar deste mundo
Ja tenha cativado outros olhos
Verdes ,azuis ou castanhos
Quem me dera
Que eu a conhecesse no fundo
Que dividisse os seus dias
Como amigos e nao estranhos

Quem e voce que cruza o meu caminho
E me faz um homem tao feliz
Quem e voce que me incentiva um carinho
E deixe seu perfume dancando no meu nariz

Quem e voce que de passagem
Deixou marcada uma grande alegria
Sera uma simples miragem
Ou voce voltara outra dia?

Diga-me mera desconhecida
Voce pode ser minha amiga?
Por favor me responda
Nao me deixe curioso
Queria pelo menos beijar o seu rosto
E saber onde voce anda

Ou quem sabe ouvir a sua voz?
Quem sabe nasca o amor entre nos?
Devido a minha enorme esperanca
E na proxima vez seguiremos juntos
Conquistando outros mundos
Onde so o amor alcanca

© 2006 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

PEDACO DE MAL CAMINHO
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

De me o endereco de seu sorriso
E a distancia entre nos dois sera minima
Vem ver o meu olhar sem juizo
Querendo examinar o seu que me fascina

Meu numero de telefone pede numa prece
Para sentir o carinho de seus dedos
Talvez seja onde nosso romance comece
E onde desvandamos nossos segredos

Nao deixe que o dia seguinte
Te faca esquecer meu rosto
E te faca jogar meu numero fora
Sou um excelente ouvinte
Tenho um bom humor e gosto
E estou pensando em voce agora

De-me sua mao sem hesitacao
Nao deixe que a timidez lhe proiba
Deixe que nos embale a cancao
O momento de alegria nos convida

Diga me seu nome bem baixinho
E sei que soara como uma poesia
Eu nao quero ficar sozinho
E com a minha mao vazia

E festa, e sol, e vida e e Brasil
Seu charme enfeitando o meu lado
E gloria e nota mil
Por favor, deixe-me ser seu namorado?
Pra estar ao seu cuidado
Sempre
Meu pedaco de mal caminho
Que faz meu coracao sorrir
Contente

(c)2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Office:(914)699-0186 or (914)776-4867

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

PESARES
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Nao podes esquecer
Que te dei todos os meus anos
Que te cultivei desde os primeiros ramos
Cuidando de ti

Nao podes fingir
Que nao ouves as minhas verdades
Pois as minhas verdades sao verdades
Que podem ferir

Oh! Devias voltar
Pedir perdao pelos teus pecados
Pois faz parte da vida de teus atos
Um dia te arrependeres, enfim....

Me farias feliz
Criarias novas raizes
Curarias todas cicatrizes
Por fim...

Mas nao quero
Que venhas por um programa
Quando teu corpo reclamar cama
E uma companhia pra dormir

Quero
Que venhas por causa das saudades
E acabes com os meus pesares
Expulsando-os de mim

(c)2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails:globra[email protected] or [email protected]
Cell:(914)776-4867 or Office:(914)699-0186 - New York

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

QUEM SABE
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Quem sabe se importar
Dividir ,entender e amar
Com a amargura da dor
E a ternura que o amor traz
Quando uma pequena mudanda de ventos
Altera os bons tempos
E tira toda a paz

Guarda a chave da felicidade
Nas maos
E sabe achar a saida
No meio de tanta aflicao
E sabe tambem que nem e hora de sentir saudade
Nem e hora da partida
Nem e hora de ferir o coracao

Por que tambem sabe lembrar
Que a calmaria e a tempestade
Sao inimigos mortais
Mas a calmaria sempre prevalece
Sobre os vendavais
E e nesta hora que o amor se fortalece
E te ensina a paz

E assim todo o sofrimento
E absorvido como uma mera luz divina
Que ilumina a escuridao de nossas almas
Nos piores momentos
Que nos cegam e nos dominam

E entao que aprendemos que hora de entender
Dividir e se importar com quem se ama
E revitalizar a chama
Que volta mais forte e resoluta
Pronta pra uma nova luta
Ate a proxima tempestade
E seu vendavais
Que entao a sabedoria do amor e felicidade
Vencerao uma vez mais

© 2007 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

SAINDO DO TUNEL
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Dizem que ha uma luz no fim do tunel
Mas na verdade eu nao a vi
Pode ser que ela exista por la
Mas nao tive tempo de saber
Se ela brilha pra mim

Fiquei em estado de choque
Quando de repente voce disse adeus
O chao sumiu debaixo de meus pes
Chorei ,implorei com lagrimas nos olhos meus

Voce me levou ao fundo do inferno
Com todos aqueles diabinhos horripilantes
Sorri pra eles e lutei como nunca lutei antes
Com forca de mil gigantes

E voltei pra vida
Porque e onde eu pertenco
Ainda estou saindo do tunel
Mas estou mais forte ,concentrado e sereno

E voce?
Posso ver a tristeza no seus olhos
E a dor estampada no seu rosto triste
Uma dor que voce jura
Que nao existe

Cantiga de roda n# 2

Quem diz adeus
Diz as vezes sem conviccao
Deixa a dor de um saudade
E a dor da rejeicao

Mas o tempo e paciente
E cura cada simples ferida
A pessoa que foi abandonada
Sempre encontra paz na vida

E o modo de Deus no dizer
Que somos amados como ninguem
So posso te desejar sorte
A melhor vinganca e viver bem

(c)2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Office:(914)699-0186 or (914)776-4867

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

SALA DE BATE PAPO
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

De onde voce e?
Qual a sua idade?
Qual a sua altura?
Voce e homem ou mulher?
Procura a felicidade?
Ou nada quer?

No final e a mesma historia
Uns fingindo ser o que nao sao
Outros cantando vitoria
No eterno jogo desta imensa ilusao

Quem somo nos?
Pra onde vamos?
Nao vemos os rostos
Nao sentimos o cheiro
Mas assim mesmo continuamos


Mas afinal e so um bate-papo
Um passatempo barato
Que estamos viciados a fazer
Mas a vida la fora nao e bem melhor?
Nao da pra ver a cor do amor?
Nao somos dois a viver?

A vida la fora e energia
A paixao doce de cada dia
Nos toques sutis das maos
Nos rostos ,nos labios e nas bocas
O amor fervendo nas veias
Deixando-nos com as vidas cheias
Nas noites eternas e loucas

O personagem que criamos na ilusao da sala
Nada tem a ver com a verdade
O ser perfeito que nos traz emocao passa
E fica uma sombra perdida na eternidade

© 2007 Globrazil/Islo Nantes Music
[email protected] or [email protected]
Office: (914) 699-0186 or Cell: (914) 776-4867
USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

SAMBA DA VIZINHA
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Sigo rindo depois de ver a minha vizinha
Que a mulher mais linda que caminha
Na rua onde vivo
Ah! Como eu imagino os beijos
E invento alguns loucos desejos
Que me mantem cativo

Sei que peco por querer estes carinhos
E inventar mil caminhos
Que sejam proibidos sim
Mas eu ja julgo maior do que tudo
E vou lutando contra este mundo
Que cacoa de mim

Procuro outras palavras
Todo admirador tem muitas pra justificar
Sentimentos de amor
Coisas que todo mundo sabe
Que sao verdades na boca do sonhador

Nunca pensei que o sorriso bonito
E a bunda no bom ritmo
Do grande caminhar
Fosse me fazer um fiel admirador
Que sempre guarda tanto amor
Que so a ela eu quero dar
© 2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
[email protected] or [email protected]

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

SAMBA DOS EGOISTAS
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Se seu carro quebrar na beira da estrada
Nao levante o dedo na esperanca renovada
De que alguem lhe dara carona ate sua casa
Hoje ,infelizmente ninguem faz mais nada de graca

Se voce tiver um ataque subito de coracao
E estiver ameacado de morte
Ore para que Deus mude a sua sorte
Pois seu vizinho nao e mais seu amigo companheiro
Hoje o que fala mais alto e o dinheiro

E uma pena que o mundo esteja ficado assim
Eu preciso de voces e voces precisam de mim
E todos em geral precisamos do divino Deus
Como adorados filhos seus

Entao se seu amigo sofrer de repente do coracao
Estenda firme e lhe segure a mao
Para que ele tenha um pouco de seguranca e alegria
Na hora da dor e da agonia
Pois voce nunca sabe
Que amanha possa ser o seu dia

© 2007 Globrazil/Islo Nantes Music
[email protected] or [email protected]
Office: (914) 699-0186 or Cell: (914) 776-4867
USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

SAUDAVEL
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Pra que eu vou brigar
Se o amor sempre sera rei
Atraves dos tempos
Mesmo se os ventos
Soprarem temporais.

Pra que eu vou me irritar
Se o amor sera companheiro
Regendo meu signo
Mesmo se o inimigo
Espreitar feroz

Deixem que se rasguem
Que xinguem ate que firam
Suas consciencias imbecis
Um dia
Quando o tempo cobrar
Talvez alguem pense que foi azar
Ser tao infeliz

Pra que eu vou chorar
Se a dor e dadiva dos fracos
Que nao sabem se impor
Mesmo se o amor
Clama um pouco de paz

So quero te amar
Pra ser saudavel da cabeca
E sempre da razao
Mesmo se o seu coracao
Nao aceita um amigo a mais

© 2007 Globrazil Inc/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Cell(914)776-4867 - New York - USA

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

ULTIMO BEIJO
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)
Ainda que me restasse
Uma melodia perdida
Nas teclas de meu piano
Meu velho companheiro

Eu acharia inspiracao
Nesta triste partida
E te cantaria como te amo
Ainda como meu amor primeiro

Ainda que me restasse
Um esperanca distante
No meu coracao doente
Este tambor de meu peito

Eu inventaria uma paixao
Na dor de minha saudade
E te faria a cada instante
Um doce momento perfeito

Ainda que me restasse
Um unico e ultimo desejo
Escondido em meu ser

Eu pediria ansiosamente
Por teu ultimo beijo
Por teu ultimo toque
Antes de morrer

Porque?
Porque tu enfeitastes minha vida
E me ensinastes o amor
Porque?
Porque tu fostes minha preferida
E coloristes o meu redor

Porque?
Porque tu me fizestes sorrir
Com tamanha emocao
Porque?
Porque fostes para mim
Como a batida de meu coracao

E assim
Te dedico esta simples cancao
Ainda que me restasse
Um dia
Eu o poria em tuas maos
© 2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Office: (914) 699-0186 or Cell:(914) 776-4867 – New York
Emails: [email protected] or [email protected]
www.liquidagora.com

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

VIVENDO SEM AMOR
(Luiz Islo Nantes Teixeira/Carolina Teixeira)

Ha muito tempo
Que eu nao sei o que e um sorriso
De alegria
Pois a amargura fez moradia
No meu coracao

E entao
Os olhos so vivem tristes
E continuo ouvindo conselhos e palpites
De pessoas infelizes
Que acham que estao com a razao.

E a vida parece tao vaga
E vai passando sem sentido
Quem tem o peito ferido
Sabe que falo de ilusao.

Deus
Sabe que nao estou errado
Poderia voltar o relogio do passado
E procurar uma explicacao.
Mas os ouvidos meus
Precisam ouvir as tuas verdades
E alguns pequenos detalhes
Para eu curar o meu coracao.

E agora quem pode dizer
Quando sou eu ou quando e voce
Que aparenta a mais triste dor
Acho que eles so podem dizer
Que tanto eu quanto voce
Estamos vivendo sem amor

(c)2007 Globrazil/Islo Nantes Music(ASCAP)
Emails: [email protected] or [email protected]
Office:(914)699-0186 or (914)776-4867

Luiz Islo Nantes Teixeira Carolina Teixeira

[Cora]
I've been living with a shadow overhead
I've been sleeping with a cloud above my bed
I've been lonely for so long
Trapped in the past, I just can't seem to move on

[Alex]
I've been hiding all my hopes and dreams away
Just in case I ever need them again someday
I've been setting aside time
To clear a little space in the corners of my mind

[Cora & Alex]
All I wanna do is find a way back into love
I can't make it through without a way back into love
Oh oh oh

[Cora]
I've been watching but the stars refuse to shine
I've been searching but I just don't see the signs
I know that it's out there
There's gotta be something for my soul somewhere

[Alex]
I've been looking for someone to shed some light
Not somebody just to get me through the night
I could use some direction
And I'm open to your suggestions

[Cora & Alex]
All I wanna do is find a way back into love
I can't make it through without a way back into love
And if I open my heart again
I guess I'm hoping you'll be there for me in the end

[Cora]
There are moments when I don't know if it's real
Or if anybody feels the way I feel
I need inspiration
Not just another negotiation

[Cora & Alex]
All I wanna do is find a way back into love
I can't make it through without a way back into love
And if I open my heart to you
I'm hoping you'll show me what to do
And if you help me to start again
You know that I'll be there for you in the end

Cora Corman

"A verdadeira liberdade é quando nos desacorrentamos de nossos maiores medos".

CAROLINA SALCIDES

"A vida inspira, o amor engrandece, a dor nos ensina e a paixão enlouquece".

CAROLINA SALCIDES

"Eu olho nos olhos, falo com a alma, beijo com o corpo e amo por inteiro. Entrego-me e caio de cabeça. Sigo o coração sempre!"

Carolina Salcides


Contato Politica de Privacidade Datas Comemorativas Facebook Twitter Google+