Friedrich Nietzsche: A vontade se superar um afecto não é, em última


pensamento

A vontade se superar um afecto não é, em última análise, senão vontade de um outro ou de vários outros afectos.

Friedrich Nietzsche

Contato Politica de Privacidade Datas Comemorativas Facebook Twitter Google+